instaweek | 08.15






a semana começou com um ataque desenfreado ao melhor bolo português e o único que mesmo assim consegue ser bem feito além fronteiras, nada como cá, mas já algumas vezes me tirou a saudade da miséria e deu para não sucumbir à depressão. não só serviu de sobremesa a um jantar a dois, para festejar o que parece ter começado ontem, mas serviu também de mote para uma investigação daquelas que enfim, difícil mas alguém o tinha que fazer... escolhemos a melhor equipa para enfrentar tamanha proeza. eu e a menina. percorremos em três horas, quatro pastelarias. das mais conhecidas em lisboa, mas que por uma razão ou outra criam desavenças nas amizades. para que isso termine de vez, foi feito o primeiro de alguns #thepasteldenatatour. em breve os resultados desta pesquisa intensa, doce e um tanto ou quanto diabética... mas que passados agora oito dias, soube tão bem!
para terminar uma semana bem e em família, precisei de pegar nos miúdos e no marido e sair da cidade. fomos ao campo, ao alentejo, mais precisamente a mora! todos tivémos o nosso momento preferido, ele foi caminhar e percorrer o rio no meio da natureza, eu respirei arquitectura e eles viram bichos e terra e árvores e rio e barragem e "ó mãe vamos passear para sempre até ao fim do rio tejo". que bom poder correr, respirar fundo sem pressas nem correrias. sem horas nem refeições demasiado planeadas. entre paredes brancas e caiadas a amarelo, fachadas perfeitas e comida temperada. sol, céu azul e um cheiro a primavera.

No Comments Yet, Leave Yours!