at work with | catita illustrations

a Rita foi das entrevistas mais engraçadas que já publiquei, as questões são as mesmas mas as respostas essas são mesmo dela, eu consigo mesmo ao longe vê-la responder com o seu sentido de humor apurado e cheia de energia! como vos disse conhecia num dos momentos altos do Atelier num Mercadito cheio de gente gira e eu acho que fizemos uma boa dupla ali na cusquice! já estou cheia de saudades e já temos encontro marcado no porto no próximo mês! que booom! até lá vou-me deliciando com esta entrevista! espero que gostem! | Rita's interview is one of the best i've had here, the questions are the same but her amazing sense of humor and love for what she does makes me really feel like it's a ocnversation between two really good friends. i met her in one of the best moments in my Atelier life in the amazing Mercadito full of gorgeous people and i really think we hit it off with our gossip! i miss her already an we'll be seeing eachother again in Porto in abotu a month, so i'm looking forward to it a lot! until then i'm realloy enjoying learning more about her here! hope you like it!



* onde vives? de onde és? como foste aí parar? | where do you live? where are you from? and how did you get there?
chamo-me Rita, sou de S.João da Madeira e vivio desde 2008 em La Coruña... bem abreviado seria só isto ;)... nascia, estudei e trabalhei no Porto. vivi sempre em São João da Madeira até que em 2008 mudei-me para a Coruña. O meu marido (meio português, meio espanhol) estava há dois anos a ser aliciado por uma agência de publicidade coruñesa, dois anos que utilizou para me convencer de que a vida só vale a pena quando se sai da zona de conforto e se constrói uma história interessante para contar aos netos. Em 2010 regressámos a Portugal por insistência minha e rapidamente percebi que já não havia volta, eu gosto de viver cá, do estilo de vida, de tudo... a minha filha já nasceu cá. Sou das que acha que na vida vamos somando experiências, amigos e família, nunca achei que fosse perder nada com a distância. Hoje reitero esta minha teoria! | my name id Rita, i'm from São João da Madeira and live in La Coruña since 2008 ... that's a resumé of what my life is... anyway, born, studied and worked in Porto. lived in São João da Madeira until 2008 and moved to Caruña. My husband (half portuguese, half spanish) had been for two years being convinced by a advertising agency to move to spain, it took him as long to convince me that life is only worth it when you leave your confort zone and build an interesting story to tell your grandchildren. in 2010 we moved back to Portugal because of me and we noticed very fast that there was no turning back, i like living here, the way of life, everything... my daughter was born here. i'm one of those people who thinks life is about adding up experiences, friends and family, and never thought i would lose anything from being away. Today i reconfirm this theory!

* onde fica o teu atelier/estúdio/loja? e como vais para lá? | where is your office/studio/shop? how do you go there?
A minha Catita Factory fica confortavelmente instalada em minha casa, no centro da cidade e a dois passos da praia. Levanto-me cedo porque apesar de trabalhar em casa, a minha filha frequenta um infantário (para mim é impossível trabalhar com ela em casa). A parte boa, ou uma das, é que, uma vez que não tenho apoio familiar por perto, cada vez que ela precisa de mim, porque está doente, ou tem pediatra ou seja o que for, eu estou disponível. Apanho-a ás 16h e só volto a trabalhar ás 20h30 depois de ela adormecer. | my Catita Factory is confortably stationed in my house, in the centre of town and two steps from the beach. i get up early and though i work from home, i take my daughter to her daycare. the best part of it, one of the, is that because i have no family close by, everytime she needs me i'm always available and close by. i pick her up at 4pm and only go back to work at 8:30pm after she falls asleep. 

* o que vês da tua janela? | what do you see from your window?
Vejo edifícios e um bocadinho de céu. Muita luz e várias gaivotas que vêm conversar com a minha gata e destruir os meus vasos ;) | i see buildings and a little of the sky. lots of natural light and seaguls that come to chat with my cat and destroy my plants ;)

* tomas café de manhã? como é esse café? | do you take coffee in the morning? how do you take your coffee?
só a partir da gravidez é que passei a adorar "desayunar". é quase um ritual, uns dias em casa, outros fora. é um momento só meu. adoro... sempre com café, não funciono sem café, parece que temos isso em comum não é a..? | i only started enjoying eating breakfast when i got pregnant. it's almost a ritual now, sometimes at home, sometimes out. it's a me moment. i love it, always with coffee. i can't function without coffee... looks like we have that too in comon ;)!!

* tens algum ritual antes de te pores a trabalhar? | any rituals before you start working?
eu, como quase toda a gente necessito de alguma rotina para me sentir confortável. Sendo assim, e uma vez que não trabalho das nove ás cinco, procuro ter uma rotina. A parte de ritual é mesmo o pequeno-almoço e a música de fundo (oiço rádios portuguesas online como a radar lx ou a antena3 e se estiver muito zen a smooth fm) | i, as almost everybody, need some sort of routine to feel confortable. though i do not have a nine to five job, i always try to have a routine. the ritual part is really my breakfast and background music (i listen to portuguese onlline radios, like radar lx, antena3 ou if i'm feeling very zen to smooth fm) 

* o que gostas mais do teu trabalho? o que te põe mais à prova? | what do you like best about your job? what's most challenging?
adoro o meu trabalho, tanto os momentos em que estou entregue e concentrada como o contacto com os outros, o feedback. adoro a liberdade que me permite, a euforia que me transmite, adoro o desafio constante de emocionar através do traço, adoro as palavras e as pessoas que me chegam diariamente... gosto de tudo, de todos os passos, de todos os prós e contras. | i love my work, the moments in which i'm concentrated and focused but also contact with people, the feedback. i love the freedom that it gives me, the euphoria that it transmits to me, i love the constant challenge of showing emotions through drawing, i love the responses and people's reactions daily... i like everything, every step and all the pros and cons. 

* como aprendeste a fazer o que fazes? | how did you learn to do what you do best?
Nunca me surgiu essa questão (nem de mim para mim)... eu era a menina a quem gabavam os dotes para desenhar na primária, que desenhava os cenários das peças dos teatros no preparatório e que assim que teve opção de escolher, escolheu ir para artes. Lembro-me de ver o meu irmão a desenhar (teria eu uns 4 anos) e ficar vidrada... na escola também me estimularam nesse sentido porque o elogio estimulava-me a seguir por aí. Mais tarde fui estudar para a Árvore no Porto e creio que foi aí que adquiri o que chamo "literacia visual". Frequentar essa escola foi das melhores e mais importantes cosias que me aconteceram e que mais marcaram quem sou. Depois desse período estive quase 10 anos afastada desta área e a fazer mil e uma coisas. Todas elas são úteis neste momento. | i never really think i ever thoguht about it like that... i was the little girl everyone said drew really well in preschool, that made the theatre backdrops in high school and at the first change she got chose arts school. i remember watching my brother draw (i was about 4) and being hipnotised... at school they really helped believe in myself. later i went to the school Árvore in Porto and i believe it was there i got what i call "visual literacy". going to that school was one of the best and most important things that ever happened to me and that made me what i am now. after that, i spent a period of almost 10 years away from this area and doing a thousand other things in between. all of them useful to me at this moment. 

* o que é a "catita illustrations"? | what's "catita illustrations" about?
O "Catita Illustrations" foi um projecto que surgiu num momento em que era isso ou baixar os braços e chorar. O projecto em que trabalhava anteriormente terminou e toda a equipa foi mandada para casa até que surgisse outro. Achei que tinha chegado o momento de me dedicar ao que realmente gostava de fazer. Os meus amigos do coração e família foram (e continuam a ser) os pés e os braços do Catita. Comecei a criar portfólio e a publicar. Sem medos. Começou a surgir feedback. Primeiros os amigos, depois os de fora, começaram a surgir cliente peso-pesados, convites para expor e parceiros que adoro. Um dia, a Fernanda (do blog da carlota) publicou um trabalho meu uma ilustração personalizada que tinha sido encomendada pela irmã mais velha da carlota para presente do 1º aniversário)... foi como um rastilho, chegaram-me imediatamente uns 200 mails ;) Este projecto nasceu em 2012 e desde aí nunca mais parei de trabalhar. Faço ilustração, graphic & web design, num estilo muito simples e infantil. Tento imprimir a minha marca, tento não estagnar, estou sempre a pensar em como posso desenvolver esta marca para que cresça e cresça e cresça. Nunca, nem nas minhas melhores expectativas pensei que fosse correr tão bem. Estou convencida que o facto de ser mãe me deu a capacidade de focar-me no necessário sem medos nem inseguranças, para além de me proporcionar o know-how emocional necessário para perceber e plasmar o amor existente entre as famílias que desenho e a linguagem visual que uso. Brevemente estará online o nosso "filho" mais novo em co-working com o meu marido, o novo site da Mafalda Pinto Leite, que espero que gostem! | "catita illustrations" was a project that began in a let go and cry moment, either that or start working. my previous project ended and the whole team was let-go and sent home until a next one. i thought the moment had arrived to dedicate myself to what i really loved doing. my friends and family were, and are still, the feet and arms of Catita. i started creating a portfolio and publishing my work. with no fear. the first feedback started flowing. first my friends, then strangers, and eventually serious clients, invitations to exhibit and partnerships i love. one day, the blogger Fernanda published an illustration of mine, one i made for Carlota's older sister to have as a first birthday present... it was like lighting a fire, in one day i had more than 200 emails. it started in 2012 and i never stoped working. i'm an illustrator, web & graphic designer in a very simple and child like way. i try to imprint my mark, to not stop, i'm always thinking of how i can develop it even further and help it grow, grow and grow. never, in my best expectations ddi i ever think it'd be going this well. i'm convinced that being a mother has helped me focus on the most important things fearlessly and insecurities, besides giving me the emotional know-how i need to understand the existing love between the families i draw and the visual language i use. soon, our youngest project (mine and my husband's) will be online, the new Mafalda Pinto Leite website. i hope you like it!

...eu não posso obviamente acrescentar mais nada, pois ao ler isto pela 50ª vez apercebi-me que nós devíamos era ser best friends... e tenho dito! rita, és uma inspiração, e mulher temos muuuito mais em comum que uma língua afiada! | i basically cannot add a single work to this, but the more i read it the more i am convinced we should be best friends!! Rita, you are an inspiration and woman we have lots in comon, more than just having great gossiping skills!!

2 comentários:

  1. Mais uma vez: BRILHANTE! uma pessoa que não conheço mas que admiro muito o trabalho. :) e a ti, que fazes estas compilações, obrigado!

    ResponderEliminar
  2. obrigada paula! na verdade eu só faço mesmo umas 8 perguntas, elas é que tornam tudo muito melhor!! a ver se não a desiludo!! ihihh ;)

    ResponderEliminar